Central Blogs
. Licença Creative Commons
sulmoura de Maria Toscano está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://sulmoura.blogspot.pt/.

segunda-feira, agosto 07, 2006

como se faz um pedófilo, maria toscano

COMO SE FAZ UM Pedófilo .
.
.
. . 1. pega-se num macaco. lavadinho enxuto penteadinho. e já com peúgas. escolhe-se a camisa mais. branquinha. umas calças vincadas. a preceito. - o cinto, enrolado à cintura,. tem de respeitar cada passador da calça -. gravata? pode ser. se fôr discreta. écharpe ou laço é que seriam de evitar... . . 2. passa-se, então, à toilette. onde se escolhe o perfume mais forte de essências térreas (há que apurar-lhe o odor pra disfarçar a estirpe do animal). . aplica-se um verniz amaciador às unhacas do dito. antes das luvas. brancas, de cetim, e dos botins. com éclair. pra calcar . pêlos que eventualmente espreitem pelas calças. . . 3. pega-se, assim, num. macaquinho . lindo. pela mão, durante anos. e, de braço dado, mais tarde. quando o dorso . arqueado. já tiver completamente curado.. (para tal não se economiza em peritos fisioterapeutas fisiatras treinadores de selecções de ouro 04, 05, 06 irmãos de Língua ou do povo emigrados emigrantes chulos . etc). . . 4. pega-se, assim, um dia,. no macaquinho.. e deixa-se a passear .. pela cidade.. à saída das escolas, de cinemas. à entrada de bares e discotecas. ou via intérné (com anti-virus de ponta). programam-se saites favoritos na faireuól. pra lhe atear os fogos.. pega-se, assim, no macaquinho grande, crescido, madurinho e deixa-se . à guarda . do seu livre arbítrio... . . 5. lavadinho e penteadinho. a preceito erecto, feito um homem amestrado para a caçada dos prazeres e dos desejos. que só os buraquinhos . apertadinhos . dos meninos. podem dar . prazer total.poder.do «homem-pê».. . .
.
.
.
maria toscano . Coimbra, 9/Maio/2006

2 comentários:

al-jib disse...

há dias em que venho sem escrever

há dias em que escrevo sem vir

há dias em que venho e escrevo

gosto Maria de ler

ou de ler Maria

gosto

( um estupendo ponto final )

mouradia disse...

com as defesas em baixa (embora o mercado comece a reagir, segundo dizem...)
eheh
obrigraTa!

(há dias em que a-ler-
gias)
:-(


bjs
Volte sempre que eu tb láS vou :-)
bjs

já de abalada? ande cá! corra a cuartina de riscas e sente-se aí no mocho (no canapé? é melhor nã, nã seja que as preguetas lhe dêem cabo da roupa).
.
faz calôrê nã? é tempo dele! no cântaro hai água fresquinha! e se quiser entalar alguma coisaaaa... a asada das azeitonas está chêinha, no cesto hai bobinha e papo-secos (com essa chôriça... ou com o quêjo de cabra, iiiisso!, nessa seladêra de esmalte!);
.
chegue-se à mesa! - cuidado não lhe rebole a melancia para cima dos dedos do péi... assim... - entã nã se está melhórê?
.
nã, nã, agora nã vai máinada! estou a guardar-me pra logo... ora na houvera de sêri! ah! já lhe dê o chêro! pois é: alhos e coentros e um nadica de vinagrê... vem aí do alguidar de barro... sim, sã nas carnes prá cêa.
.
como nã sê o que o trouxe cá, forastêro, ‘stêja nesta sulmouradia como à da sua: pode ir mirando os links ("do monte"; "olivais..."; "deste planAlto..."; estas é que são...") os montes de que gostamos; pode ir vendo os posts por data ou esprêtando as nossas etiquêtas
("portados"); ou pode ir passando os olhos só pelos mais recentes.
.
ah! repare lá que por estes lados nã temos o hábito de editarê todos os dias - não é um blogue-diário, 'tá a vêri?; pensámo-lo antes como sendo uma espécie de blogue-testemunho das vozes do Sul (o de cá e os Suis todos); mas temos ainda muito qu'arengar... vamos lá chegando, n'éi? devagarê, que o sol quêma!
.